Você está em:
Página inicial -> Soluções -> Tratamento Térmico -> Alívio de Tensões
Alívio de Tensões
não tem flash
Quando os aços são soldados ou aquecidos a elevadas temperaturas e em seguida resfriados, em geral, são submetidos a um ciclo térmico caracterizado por um intenso, e relativamente rápido, aquecimento,
seguido por um resfriamento muito rápido.

Dependendo de outros fatores, como, por exemplo, sua composição química, esses aços, durante este ciclo térmico, podem sofrer transformação martensítica que consiste em um rearranjo controlado e limitado de átomos no espaço, produzindo uma variação de volume, associada à mudança da estrutura CFC da austenita para a estrutura TCC da martensita.

Essa mudança volumétrica brusca, pode acarretar em tensões residuais e distorções, que em casos extremos, por falta de alívio das tensões internas no material, podem causar o surgimento de trincas, as chamadas trincas de têmpera.

O tratamento térmico de alívio de tensões consiste no aquecimento uniforme e controlado de um aço, soldado ou submetido a qualquer processo que gere tensões residuais, a uma temperatura adequada (inferior à temperatura crítica) por um tempo suficiente, seguido por resfriamento, também uniforme e controlado, de modo a relaxar essas tensões sem introduzir alterações microestruturais.

A temperatura e tempo de aquecimento dependem de fatores como a composição química do aço, sua microestrutura inicial, o tamanho e a geometria da peça que está sendo tratada.

Na maioria dos metais o tratamento de alívio de tensões não modifica as características microestruturais, não substituindo outros tratamentos específicos com essa finalidade, como o revenimento.
ISO 9001
Página inicial | A Tecno Hard | Soluções | Qualidade | Equipamentos | Notícias | Orçamento | Fale conosco

Tecnohard Indústria Metalúrgica
Caxias do Sul - RS
(54) 3225-6464
© Copyright 2011 TecnoHard
Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Gabriel Isoton